Cabeça de lobo de mais de 40 mil anos é descoberta na Rússia


Uma cabeça de um lobo pré-histórico de mais de 40 mil anos foi encontrada totalmente preservada em uma camada de gelo em Yakutia na região da Sibéria, Rússia.

A enorme cabeça tem quase 16 centímetros de comprimento, quase o dobro do tamanho da cabeça de seu descendente moderno, o lobo cinzento.

A descoberta foi feita em 2018 por um morador local, acima do Círculo Ártico, mas foi revelada somente agora.

Não se sabe a razão pela qual a cabeça do lobo foi cortada, como mostra a foto, mas é improvável que tenha sido o troféu de um antigo caçador, já que o homem primitivo só começou a chegar nesta parte do norte da Rússia há cerca de 32.500 anos.

O cientista russo Dr. Albert Protopopov afirmou que essa é uma descoberta única dos primeiros restos mortais de um lobo Pleistoceno totalmente crescido com seu tecido preservado. “Vamos compará-lo aos lobos modernos para entender como a espécie evoluiu e reconstruir sua aparência”, disse.

Compartilhe
  • 94
  •  
  •  
  •  
  •  
    94
    Shares

Curta o Hazu