Homem nasce com a cabeça virada para atrás, supera dificuldades, lança livro e é palestrante motivacional


Claudio Vieira de Oliveira nasceu com artrogripose congênita, uma deformidade tão extrema que sua mãe foi aconselhada pelos médicos a deixá-lo morrer. Felizmente ela não deu ouvidos, e seu filho provou ao mundo que seria capaz de sobreviver mesmo com o caso raro. A mãe disse: “As pessoas começaram a dizer que meu bebê iria morrer, porque ele mal conseguia respirar quando nasceu.” Mas agora, depois de ter sido ensinado ser independente, ele se considera normal.

O baiano de 43 anos, que além de ter nascido com as pernas atrofiadas, nasceu com os braços colados no peitoral e a cabeça virada para trás, lançou  nacionalmente em 2016 um livro em que conta sua história de vida. A biografia, intitulada “O Mundo está ao Contrário”, foi lançada no Museu de Arte de São Paulo (Masp).

Claudio é um orador inspirado e também é formado em contabilidade. O homem, que mora no Brasil, disse: “Desde que eu era criança, sempre gostei de me manter ocupado e trabalhando. Eu não gosto de depender de outras pessoas.

Aprendi a ligar a televisão, pegar meu celular, ligar o rádio, usar a internet, meu computador.” Claudio pode até mesmo se locomover pela cidade com o uso de sapatos especiais, tendo aprendido a andar de joelhos desde cedo, já que seu corpo é muito deformado para utilizar uma cadeira de rodas.

O homem afirmou: “Ao longo da minha vida eu fui capaz de adaptar o meu corpo para o mundo. Agora, eu não me vejo como um ser diferente. Eu sou uma pessoa normal.

Compartilhe
  • 17
  •  
  •  
  •  
  •  
    17
    Shares

Curta o Hazu